quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Espera

Esperei-te para arrumar nossa casinha 
e montarmos a árvore de natal. 
Esperei-te ver em mim uma possibilidade iluminada. 
De espera, mais de três mil dias se passaram.
Será que haverá tempo para tirar a poeira de nossa vida?



Nenhum comentário: